Todos os posts de evaldowolkers

Evaldo Wolkers é gerente de Tecnologia da Informação, bacharel em Sistemas de Informação e pós-graduado em Segurança da Informação. Também é professor universitário e ministra aulas das disciplinas de Sistemas de Informação e Segurança da Informação. Possui mais de 23 anos de experiência em desenvolvimento de sistemas, trabalhando no desenvolvimento de aplicações desktop, Web, Mobile (Android e iOS) e para equipamentos POS (Point of Sale). Amante de todas as linguagens de programação, sem preconceito algum.

Terminal Linux e Prompt de Comando do Windows

TerminalEPromptComandos2

Nesta data publiquei um curso gratuito na plataforma da Udemy.

Mas qual o motivo do curso de terminal Linux e prompt de comando do Windows?

Desde a época em que eu dava aula de Delphi recebia alunos que vinham de cursos básicos sem saber criar uma pasta ou descobrir o local onde haviam salvo os projetos e arquivos de código-fonte.

Tenho amigos e parentes que insisti que usassem Linux porque volta e meia tinha que formatar seus computadores. Alguns estão usando a mais de dois anos sem precisar formatar, ufa, rs.

Na empresa onde trabalho tenho colocado Linux em todos setores que posso e alguns funcionários precisam também de um conhecimento melhor de linha de comandos.

No meu curso Python para Todos também existem alunos que dizem que não estão tão confortáveis quando vou ao prompt ou terminal para executar algum comando e tentam reproduzir.

Bom, existem milhares de cursos, vídeos manuais, etc., falando sobre isso, afinal de contas, isso existe desde o MS-DOS e o primeiro Unix, kkkk.

Mas fica como um desafio pessoal, um projeto que sei que me fará bem.

Minha intenção é fazer um paralelo entre o Linux e Windows, mostrando comandos similares sempre que possível.

E espero realmente abrir a mente de quem quer que precise.

Segue link do curso:
https://www.udemy.com/terminal-linux-e-prompt-de-comando-do-windows

Abraços,

Evaldo Wolkers.

Configurando Dicionário PT-BR para Corretor Ortográfico do PyCharm

Ao utilizar o PyCharm, você verá que algumas palavras serão sublinhadas caso o PyCharm não conheça tal palavra. Na instalação padrão do PyCharm não existe um dicionário PT-BR para utilização.

Veja:

img1

Para configurar o corretor ortográfico do PyCharm para PT-BR, primeiro precisaremos de um dicionário PT-BR, que é um arquivo de texto simples, contendo palavras em português para sua utilização com o PyCharm.
Você também poderá criar o seu próprio arquivo contendo palavras que queira que o PyCharm reconheça.

Vou indicar que faça download de um arquivo pronto em um projeto que encontrei no GitHub do Rafael Sliveira Cordeiro:

https://github.com/rafaelsc/IntelliJ.Portuguese.Brazil.Dictionary

O projeto contém 4 arquivos de dicionários:
portuguese-brazil.dic
portuguese-brazil_technical-terms.dic
portuguese-brazil_technical-terms_without-accents.dic
portuguese-brazil_without-accents.dic

Baixe os 4 ou apenas o primeiro.

Após salvar o(s) arquivo(s), Abra o Pycharm e acesse o menu File, opção Default Settings:

img2

Na tela Default Settings, abra a opção Editor e selecione a opção Spelling.
você verá na parte direita da tela duas abas, Accepted Words e Dictionaries.

img3

Em Accepted Words, você pode clicar no botão com sinal de “+” e adicionar palavras individualmente, mas, como queremos adicionar um arquivo de dicionário contendo inúmeras palavras, vamos selecionar a aba Dictionaries. Observa que na parte inferior existem alguns dicionários padrões (english.dic, jetbrains.dic, python.dic, pythonExtras.dic e django.dic).
Na parte superior, em Custom Dictionaries Folder, clique no sinal de “+”, e selecione a pasta onde você salvou o(s) arquivo(s) de dicionário.

Veja na imagem abaixo que eu adicionei a pasta “C:/Temp/wordlist” e dentro da pasta estão os arquivos “portuguese-brazil.dic”, que baixei do projeto citado e “pycharm.dic”, que é um arquivo de texto simples que adicionei algumas palavras (cada palavra tem que estar em uma única linha).

img4

Ao final clique em “OK”, a configuração somente será aceita em novos projetos, caso queira aplicar ao projeto atual (aberto), tem que entrar em File, opção Settings e realizar a configuração especificamente para o projeto, o caminho é o mesmo.
Feito isto, o PyCharm já estará conhecendo a maioria das palavras da língua portuguesa. Veja que em nosso exemplo não temos mais as palavras sublinhadas porque o corretor já as identifica pelos dicionários adicionados.

img5

Espero ter ajudado, abraços.

Curso de Python – Aula 8

 

Curso de Python Mania de Código

Laços (Estruturas de Repetição)
– while
– for
range

Link para download do material em PDF:
https://1drv.ms/b/s!AtMp9EatSTXxhjxrVo-DjJAEV9UU

Link para download dos exemplos:
https://1drv.ms/f/s!AtMp9EatSTXxhkI8kOAZG98L8Ysr

Contatos do instrutor:
evaldowolkers@gmail.com
facebook.com/evaldowolkers
Whatsapp: (28)99948-3074
Skype: evaldorw
evaldowolkers.wordpress.com
twitter.com/evaldowolkers
youtube.com/evaldowolkers

Curso de Python – Aula 7

 

 

Curso de Python Mania de Código

Assuntos:
– Indentação e Blocos de Código
– Estruturas Condicionais (Controle de
Fluxo)

Link para download do material em PDF:
https://1drv.ms/b/s!AtMp9EatSTXxhW9tpIyBjHmo-iNZ

Exemplos:
https://1drv.ms/f/s!AtMp9EatSTXxhgVEkLChmnwVqlr_

 

Contatos do instrutor:
evaldowolkers@gmail.com
facebook.com/evaldowolkers
Whatsapp: (28)99948-3074
Skype: evaldorw
evaldowolkers.wordpress.com
twitter.com/evaldowolkers
youtube.com/evaldowolkers